Selecione o Profissional
 

Rodrigo Scarpa (Vesgo)

Rodrigo Scarpa (Vesgo)

TEMAS:


Rodrigo Scarpa de Castro é Apresentador de TV, Radialista e Repórter, mais conhecido por seu apelido Repórter Vesgo dos programas Pânico na TV e Pânico na Band.

 

Garoto esperto, desde cedo começou a enveredar pela comunicação, iniciando em uma emissora de rádio da sua cidade natal, apresentando o programa Manicômio. Em seguida, criou junto com amigos um site na internet, chamado Botecão de Itanhandu. O garoto tinha escolhido sua profissão. Em 1994, começou a telefonar constantemente para a Rádio Jovem Pan de SP, para dar informações e palpites. Começou aí a contar piadas.

 

Isso chamou a atenção de jovens profissionais da emissora, como Emílio Zurita, Bola, Marcelo Batista e Maestro Billy. Rodrigo estava com apenas 14 anos quando conheceu Zurita, em SP, que gostou dele e o apelidou de Vesgo. Em 1999, Scarpa mudou-se para  a capital paulista. Entrou na Universidade Metodista de SP, no curso de Rádio e Televisão. Então foi contratado pela Rádio Jovem Pan, para pequenos serviços de divulgação, como distribuir panfletos na rua,ccolar adesivos em carros, etc. Em 2000, passou a estagiário de produção e já opinava em roteiros de humor. Logo virou repórter de rua. Na época, chegou a trabalhar com Luciano Huck e Adriane Galisteu.

 

Logo foi promovido a produtor e  roteirista da Pan. Veio a conhecer Marcos Mion e foi ser VJ do apresentador. Mion saiu da MTV, onde trabalhava e foi para a Bandeirantes. Levou Scarpa com ele, para ser seu produtor e roteirista. Scarpa começou a aparecer, fazendo trejeitos e gracejos, e aí criou o personagem Corvo, na Band.

 

Ao sair da Band, Scarpa retomou seu contato com Zurita, que lhe deu espaço no recém formado "Pânico na TV", onde ele estreou em setembro de 2003. No início da profissão, Scarpa também fez dublagens de vários filmes. O Panico na TV recebeu o Prêmio Imprensa de Melhor Programa Humorístico em 2004, 2006 e 2007.

 

Em 2008, com o surgimento de outros programas do gênero, como o CQC, Scarpa foi apontado pela mídia como o precursor do "jornalismo-deboche" com celebridades, no qual zomba e faz perguntas desconcertantes. Também fez matérias internacionais, como o Oscar 2008 e a Corrida do Queijo, na Inglaterra.


Em janeiro de 2009, Scarpa e Wellington Muniz conseguiram fazer uma pequena entrevista com o ator Tom Cruise, numa festa da estreia do filme Operação Valquíria, e tentaram fazer com que Tom adotasse um dos anões do Pânico como um filho adotivo, porém sem sucesso. Em mais uma viagem internacional, em fevereiro, Rodrigo e Marcos Chiesa foram ao Mardi Gras 2009, um carnaval de Nova Orleans, nos EUA. Scarpa esteve à frente de coberturas de eventos de flashmobs, como a Guerra de Travesseiros, Guerra de Frutas e Zombie Walk. Ao lado de Ceará e Eduardo Sterblich, Scarpa apresentou o quadro Musa da Beleza Interior, no qual procuravam pseudobeldades nas praias brasileiras. Neste quadro, surgiram bordões como "Cadê o Chinelo?" e "Antônio Nunes".


Em 2010, ao lado de Marcos Chiesa, continuou investindo em Matérias Internacionais, cobrindo o famoso Spring Break em Cancún, no México. Outro hit propagado por Scarpa e Eduardo Sterblich foi o grito "Antônio Nunes" , no qual repetiam os gestos de um entrevistado que batia na coxa. "Antônio Nunes", a exemplo da Dança do Siri, foi repetido nas escolas e nas ruas, e virou um bordão famoso do programa, chegando até mesmo a ser assunto de página inteira da Folha de S. Paulo no dia do encontro com Nunes.

 

Em abril, Vesgo e Silvio emocionam os telespectadores e entregam para Édgar Vivar, o Sr. Barriga do Chaves, um presente: Os 14 meses de aluguel, pagos simbolicamente em um cheque. Edgar Vivar chorou de emoção. A matéria deixou o Pânico na TV em primeiro lugar em audiência, superando a Rede Globo no mesmo horário. Em julho, Vesgo e Alfinete embarcaram para a África do Sul para cobrir a segunda Copa do Mundo para o Pânico na TV.

Em 2011, a dupla Vesgo e Silvio foi extinta, surgindo novas duplas como Vesgo e Bola e Vesgo e Tucano Huck. Rodrigo apresentou o quadro "Em Busca da Panicat Sagrada", gravando em diversas praias brasileira e revelando ações de sucesso no programa, como o quadro "Pá Maluca". 

 

Em setembro, Scarpa aceitou o desafio de engordar para satirizar o quadro "Medida Certa" do Fantástico, onde Zeca Camargo se submetia a um regime, mas o Pânico mostrava sempre que ele exibia uma pança. Para satirizar o quadro, Scarpa teve que engordar de 85kg para 106kg em 2 meses. Com um acompanhamento médico, passou por uma experiência inédita na TV Brasileira. Em entrevista, disse que tinha dificuldades para fazer amor com sua namorada e que se sentia triste por perder suas roupas. Pediu até uma calça emprestada para o cantor César Menotti. Depois das férias do Pânico, em 40 dias Rodrigo voltou ao seu peso original, com um regime pesado em suas férias.

 

Em 2012, depois de 10 anos, Scarpa retorna à emissora que lhe deu a primeira oportunidade na TV, agora com o programa Pânico na Band, que saiu do ar em 2017. Já na estreia na Band, Scarpa chega de limusine com um homem cheio de pelos no rosto, trazido do México. Foi o ano do sucesso de Carrossel no SBT, o que motivou Vesgo a realizar inúmeras matérias com integrantes originais do seriado, como Maria Joaquina e Cirilo. Vesgo também aproveita a viagem ao México para entrevistar a Mulher Vampira e a Usurpadora. Scarpa começou o quadro Figuraças da Internet, com celebridades que por algum motivo fizeram sucesso na rede e que os motivaram a entrevistá-las. Com o sucesso e popularização de vídeos de YouTube e WhatsApp, Rodrigo fez reportagens cobrindo o mundo da internet.

 

Em campanha, Dilma e Aécio foram abordados por Vesgo e Lula (Wellington Muniz). Em início de operação Lava Jato,  Scarpa entrevistou Lula, citado na primeira delação de Alberto Youssef. Em sua declaração, Vesgo conseguiu uma foto emblemática de Lula atras das grades, foto que foi tirada na grade da zona eleitoral onde o petista vota, em São Bernardo do Campo.

 

Nas ruas de São Paulo, Rodrigo Scarpa colocou nesse ano sua veia de entrevistador no Pânico na Band. Já entrevistou o prefeito de São Paulo João Dória acompanhando sua rotina no programa Cidade Linda, Já deixou Ricardo Boechat descontraído em uma entrevista divertida em que Boechat pela primeira vez usou terno sem a parte de baixo em uma praia carioca. Conseguiu também entrevistas com respostas divertidas de Silvio Santos e entregar um gibi e conversar com Juiz da Lava Jato, Sérgio Moro.

 

07/2019


Outros Palestrantes do mesmo tema


Serviços
  • Clique aqui se você é um Palestrante e deseja participar do casting da Mix Palestras.
  • Clique aqui para obter uma proposta ou contratar um palestrante
Contato
  • twitter:
    @mixpalestras
  • Mande-nos uma Mensagem