Dirlene Silva

Economista, TEDx Speaker, adepta à filosofia africana Ubuntu. Premiada como Linkedin Top Voices, nomeada Creator, palestrou no maior evento da América Latina, viu seu rosto estampado em jornais e revistas, participou de entrevistas, lives e podcasts.


Dirlene Silva vive adepta à filosofia africana Ubuntu, cuja essência é de respeito e solidariedade para com o outro, cujo significado é “Eu sou, porque nós somos”. Com base nessa filosofia, Dirlene acredita que seu cargo ou título, por mais importantes que sejam, não a definem enquanto pessoa. Assim, ela se apresenta como mãe da Joana, filha da Vera e irmã da Marcia e da Marta.

 

Essa perspectiva sempre fez parte do pensamento de Dirlene, e recentemente, ao ler o livro "Minha História", de Michelle Obama, ela teve a certeza disso. No livro, a autora afirma que uma das perguntas mais inúteis que os adultos fazem às crianças é “O que você vai ser quando crescer?”.

 

Para Dirlene, ter uma profissão é, sim, importante, e ela lutou muito para ter a sua! Contudo, ela acredita que já somos alguém antes de termos uma profissão, pois cada ser humano é único, complexo e insubstituível. Além disso, a pergunta sobre o que seremos quando crescermos é limitante, pois podemos crescer e evoluir ao longo da vida, fazer várias coisas, ter várias profissões, carreiras e até mesmo ser maiores que nossos sonhos, como aconteceu com ela.

 

Como Heráclito disse em 500 A.C., “Não há nada permanente, exceto a mudança”. Dirlene cresceu sendo chamada de filha da empregada e, posteriormente, filha da lixeira. Tornou-se piada por seu sonho de ser economista. No entanto, ela já era alguém e não se limitou ao seu diploma quando o conquistou.

 

Apesar de não existir um lado bom na pandemia, devido à perda de muitas vidas, Dirlene acredita que, se permanecemos vivos, temos pelo menos três escolhas a fazer: lamentar, sucumbir ou evoluir. Dirlene se reinventou, descobrindo-se multicarreira, tornando-se empreendedora, consultora, mentora, coach, palestrante, colunista, embaixadora, conselheira, professora, curadora e escritora.

 

Foi premiada como Linkedin Top Voices, nomeada Creator, palestrou no Gramado Summit, o maior evento da América Latina, viu seu rosto estampado em jornais e revistas, participou de entrevistas, lives e podcasts e, inimaginavelmente, participou de um programa de TV.

 

Quando achava que as surpresas haviam encerrado, Dirlene recebeu o contato da Revista WIRED e se viu premiada junto a seus ídolos Lázaro Ramos, Elisa Lucinda e tantas outros, como uma das 50 pessoas mais criativas do Brasil.

 

Em 2022, foi destaque no Conselho Federal de Economia (COFECON) e no Conselho Regional de Economia do RS (CORECONRS). Também recebeu o troféu de “Business Woman”, da organização internacional The Norns Awards, por suas contribuições na economia e lutas a favor de programas voltados à inclusão e contra o preconceito.

 

Sem dúvidas, Dirlene Silva é muito maior que seus sonhos.

 

Temas das Palestras

 

* Economia;
* Educação Financeira;
* Empoderamento Feminino;
* Empreendedorismo;

* Governança Corporativa;
* Inteligência Financeira;
* Racismo.


11/2023



Cotar Profissional  
Mande-nos uma Mensagem