Selecione o Profissional
 

Maria Cândida

Maria Cândida

TEMAS:


Maria Cândida Damasceno de Barros Araújo é Jornalista, Apresentadora de TV, Repórter e Palestrante. Tornou-se conhecida, principalmente, por suas entrevistas com atores internacionais do cinema.

 

Formou-se em jornalismo pela PUC/SP e passou pelas principais emissoras do Brasil e, internacionalmente, pela CNN em Atlanta e pela Bloomberg em NY. Começou como estagiária e rádio-escuta no Jornal do Brasil, no RJ e em SP. Trabalhou para o Jornal da Tarde e fez reportagens para a Veja SP.

 

Em 1994, migrou definitivamente para a TV. Seu primeiro emprego de repórter foi na TV Tribuna, afiliada da Globo, em Santos. Depois de um ano, foi para a TV Record, onde fez reportagens e apresentou o telejornal Informe SP. Em 1996, foi contratada pela TV Globo e lá atuou como repórter de todos os telejornais. Foi também apresentadora do Globo Rural, SPTV e da previsão do tempo no JN.

 

No SBT, foi repórter e se destacou apresentando o SBT Repórter. Também apresentou o Oscar, o Grammy e o Grammy Latino na emissora. Trabalhou como repórter no Programa do Gugu e lá fez diversas entrevistas internacionais. Entre os entrevistados estão: Richard Gere, Matt Damon, Brad Pitt, Meryl Streep, Sandra Bullock, Tom Hanks, Keanu Reeves, entre outros atores de Hollywood.

 

Na TNT, apresentou o Oscar ao lado de Rubens Ewald Filho. Em 2004, foi contratada pela TV Record, onde apresentou o programa Tudo a Ver, o Programa da Tarde, o Guinness: o Mundo dos Recordes, e o Melhor do Brasil nas folgas de Márcio Garcia. Também apresentou matérias especiais para a emissora, no Domingo Espetacular. Sempre voltada para a área de comportamento e entretenimento. Em 2009, comandou o programa 12 Mulheres, nas noites de sábado da Record, para o qual viajou por vários lugares do mundo como África do Sul, Filipinas, Tailândia, França, Holanda, Finlândia, Lituânia, Peru, México e EUA. A experiência nessas viagens acabou virando livro: Mulheres que Brilham, com histórias inspiradoras de 50 mulheres, lançado em 2011. De junho de 2010 a maio de 2014, atuou como repórter especial do Programa Amaury Jr.

 

Em 2014, integrou o elenco do reality show Aprendiz Celebridades, comandado por Roberto Justus, na Record. Em agosto do mesmo ano, passou a ser apresentadora do programa de variedades Tudo Posso, na Rede Família, do Grupo Record de Televisão, que foi ao ar até agosto de 2016. Em 2016, comandou o programa Mãe é Tudo, pela RecordNews, ao lado da coach fitness Solange Frazão, a atriz Mônica Carvalho e a cantora Vanessa Jackson. Em fevereiro de 2017, fechou contrato com a TV Aparecida, onde apresentou o programa Manhã Leve, até janeiro de 2019, quando deixou a emissora.

 

Em 2019, tornou-se repórter do É de Casa, programa semanal da Globo, exibido aos sábados.

 

Como palestrante, Maria Cândida atua em todo o Brasil. Ela já fez diversas palestras para o Sebrae. A jornalista fala sobre empoderamento feminino e apresenta histórias de diversas mulheres, das centenas que entrevistou, que são exemplos de superação.

 

Temas das Palestras

 

Mulheres que brilham: O mundo é das mulheres?

 

Nesse bate-papo, Maria Cândida conta um pouco das suas viagens e do que aprendeu nas entrevistas com mulheres do mundo todo. Como são as mulheres do Oriente? Qual o maior desafio delas? E as da África, como elas estão se reinventando em um continente extremamente machista? As europeias e as americanas são mais liberais, as leis são respeitadas de verdade? Quais são os prós e contras (se existem) dessa emancipação? E na nossa América Latina? Quais são os padrões masculinos dessa região?

 

Da geração analógica para a digital: Minha história de reinvenção depois dos 40 anos


Maria Cândida deu a grande virada na carreira aos 47 anos, quando decidiu apostar na internet e deixar um programa pequeno de TV e seguir para o mundo digital. Do digital, voltou para a maior emissora do país, a TV Globo Como foi o passo a passo desse processo de reposicionamento da Maria Cândida para a Maria, que fundou a empresa #FalaNaCaraDaMaria... Um celular na mão e uma ideia na cabeça? Simples assim? Será que é fácil migrar da década de 70 para a geração dos Millennials e para a geração Z, os nativos digitais? Como eles pensam e como nós pensamos? O que podemos aprender nessa troca? Que mercado é esse de Internet para 40+? Tem espaço para quem fala e vende para esse público?

 

Geração Ageless: Toda mulher depois dos 40 pertence à nova geração sem idade?

 

Quem são as representantes da Geração Ageless? Quando e onde surgiu essa geração? É no mundo todo? O que o novo conceito de feminismo tem a ver com essa era de consumidoras e empreendedoras, que querem mais respeito das marcas? Por que essa Mulher 40+ ainda não se sente representada nos produtos e pelo mercado publicitário? Como lucrar no mercado da Maturidade? Tem mercado?

 

Mulher + globalização = Essa soma dá muito samba!

 

Pesquisas recentes indicam que a Mulher tem mais habilidades natas que são fiéis à globalização do que os homens. Flexibilidade, maior empenho nos estudos, capacidade de gerir família, filhos e carreira estão entre as fórmulas certeiras para encaixe no mundo moderno. Como alinhar os homens para a Era da Igualdade ou Equalidade, otimizando potenciais de gênero?

 

New Ageing Market: Mercado assertivo para as próximas décadas

 

O que é Ageing e por que vai se falar muito sobre isso? A idade média do consumidor ativo está mudando? O que o Empoderamento Feminino tem a ver com o aumento de consumo Ageing? Onde colocar o dinheiro e que tipo de produto terá mais retorno no mercado feminino?

 

03/2020


Outros Palestrantes do mesmo tema


Serviços
  • Clique aqui se você é um Palestrante e deseja participar do casting da Mix Palestras.
  • Clique aqui para obter uma proposta ou contratar um palestrante
Contato
  • twitter:
    @mixpalestras
  • Mande-nos uma Mensagem